Arquitetura fluminense  é premiada em MilãoO Rio + Design é um evento da Secretaria de Desenvolvimento Econômico do Rio de Janeiro em parceria com o Sebrae/RJ, que promove e divulga a produção em design dos profissionais e empresas do estado, para incentivar negócios nacionais e internacionais.

Desde 2009, a feira participa da programação paralela da mostra de Milão, exibindo a produção de designers fluminenses. Há três edições, o Rio + Design Milão conta com a participação da “Morar Mais por Menos”, que exibe vídeos de alguns ambientes montados nas capitais brasileiras durante a feira italiana.

Os 32 ambientes da Morar Mais divulgados em Milão foram selecionados entre os 560 expostos na edição de 2012. Um júri – formado pelas sócias e idealizadoras do evento, Lígia e Sabrina Schuback, juntamente com o diretor comercial da Morar Mais, Sandro Schuback – selecionou 40 projetos, assinados por 79 profissionais, que melhor atenderam ao conceito da feira de decoração Morar Mais por Menos: elaborar ambientes sofisticados dentro de uma proposta acessível ao bolso; usar soluções sustentáveis em seus ambientes, valorizando os 3Rs (Reduzir, Reaproveitar e Reciclar); incluir na decoração produtos confeccionados por comunidades carentes e por cooperativas de trabalho; priorizar produtos regionais e genuinamente brasileiros. Do total de profissionais premiados, 26 arquitetos são do Rio de Janeiro.

 

Morar Mais no Rio

Arquitetura fluminense  é premiada em MilãoA mostra de decoração começou em 2004, no Rio de Janeiro, com as empresárias Lígia Schuback e Sabrina Schuback Rocha, e hoje está presente em várias capitais brasileiras com o slogan ‘O chique que cabe no bolso’. “Nosso público gosta de decoração de qualidade, até sofisticada, mas não é perdulário, pois respeita e valoriza o dinheiro e nem sempre está disposto a investir quantias exorbitantes para morar bem. Essa postura é detectada em qualquer classe social”, explica Lígia.

Nossa equipe de reportagem acompanhou a última edição da Morar Mais, que aconteceu entre os dias 27 de setembro e 04 de novembro, no Rio de Janeiro, na sede da Pequena Cruzada. Entre os ambientes com mais utilização de vidros, dois foram premiados e receberam o certificado da feira por atender corretamente o conceito da Morar Mais. Foram eles:

 

Studio do Músico

Premiado na categoria Inclusão Social

Arquitetura fluminense  é premiada em MilãoA arquiteta Kelly do Marco projetou o apartamento de 90 m² para um músico, de 38 anos de idade, que possui uma deficiência física (cadeirante). Entre as particularidades do espaço estão a luminária de bateria, a horta vertical e o estilo baixo dos móveis para atender às necessidades do cliente.

Foram usados 22 m² de vidro. Na divisória do banheiro, está presente o vidro temperado transparente de 8 mm; nas portas do armários da cozinha, o vidro branco e bege; e no armário do quarto, o vidro refletivo.

 

 

 

Arquitetura fluminense  é premiada em Milão

Studio Sustentável

Premiado na categoria Sustentabilidade

O espaço de 32 m², projetado pela arquiteta Danielle Sabino, reúne sala, quarto, cozinha, banheiro e uma área de escritório. Ao todo, foram usados 20 m² de vidro. “O vidro é um material que traz uma sofisticação para o ambiente, e também uma leveza. Se a gente fosse colocar uma TV de 72 polegadas, ia ficar uma coisa muito pesada, muito grande. Então, com a tela as pessoas nem percebem que tem uma TV ali realmente”, explica Danielle. O vidro da tela é temperado incolor, de 4mm.
O ambiente ainda possui uma porta de correr, que separa a sala do quarto, de vidro italiano em processo de oxidação interna, o que proporciona o aspecto de rajadas brancas no vidro. E o espelho da Guardian, de 4mm, dá amplitude ao ambiente. °