Taça Bola na Vidraça:

Os jogadores deram o sangue no campeonato organizado pelo Sincavidro. A disputa pelo título de campeão foi acirrada, mas quem levou o prêmio para casa foi a New Temper, grande vencedora do torneio.
Reparem que, num momento de desespero, o time da New Temper procurava algum auxílio divino, até que, como um raio, surge o nosso amigo Ariston Morais e promete aumentar o “bicho” da moçada. Resultado: o time se fortaleceu para a rodada final e acabou vencendo os adversários.

 

Depois de tentar aliciar mesários, bandeirinhas e juízes, Thiago Nascimento (Grupo Paris) discute com a arbitragem que não permitiu que seu time tivesse dois jogadores a mais do que as equipes adversárias. Conforme alegou Thiago, esse bônus fazia parte de um acordo prévio com os organizadores do torneio.

 

Considerado o bicho-papão do campeonato, o time da Disvidro chegou no CFZ em ônibus fretado, com o seu cartola Eduardo Corrêa distribuindo autógrafos para toda a arquibancada. A pompa não amedrontou os adversários que passaram por cima da campeã do ano passado. Com isso, Walter Guarino, dono do time, já anunciou que o pobre Eduardo será, no máximo, chefe da torcida organizada no ano que vem.

CBVP agora é VIVIX

Etimologia não é a nossa especialidade. Contudo, depois de contratar a Viviane Moscoso, fico tentado a especular. Será o novo nome uma homenagem à Vivi e ao Eike Batista?
[gn_spacer size=”0″]

Auditórios, restaurantes e… Farmácias

As reuniões do Sincavidro eram realizadas em salas, posteriormente auditórios e, mais tarde, restaurantes. Ultimamente já tem associado cogitando que elas sejam feitas numa farmácia. A razão é que lá fica muito mais fácil encontrarmos alguns produtos que se tornam imprescindíveis em nossas reuniões: Rivotril, Frontal, Maracujina, Passiflorine e outros.

 

[gn_spacer size=”0″]

La beauté des femmes  

Como nosso ramo evoluiu. Esta graça da foto é formada em química, pós-graduada em marketing, sagitariana (igualzinha a mim), e trabalha na CEBRACE desenvolvendo o projeto Habitat. Mesmo com todas estas qualidades, o Todo Poderoso, não satisfeito, ainda deu à moça o dom da palavra. O resultado é que as palestras de Ana Granado são imperdíveis e, lógico, muito concorridas.

[gn_spacer size=”0″]

Setor Vidreiro perde um aliado

Poucas pessoas angariaram tanto respeito e admiração no segmento vidreiro como Bernardo Grimberg. Não sei dizer o quanto a Dorma perde com a sua saída da empresa; contudo, para todos aqueles que conviveram por quase 20 anos com ele, fica a certeza de que nasce um vazio muito difícil de preencher. Sem saudosismos, é como se uma geração de pessoas importantes, participativas, corajosas e, acima de tudo, Amigas com A maiúsculo, se retirasse, silenciosamente, de cena.

[gn_spacer size=”0″]

Mania de levantar taça 

Nos torneios de futebol do Sincavidro ele briga para ser campeão só para erguer a taça. Agora, com a premiação da Laminar na festa da ANAVIDRO, lá estava ele com a taça na mão. Sorte do Cafu, da Seleção Brasileira que, quando foi campeão do mundo, o Felipe nem era nascido. Caso contrário, o nosso capitão ia ficar sem taça para levantar!